W Notícias

Bolsonaro deverá pagar indenização para deputada em até 15 dias

Foto: Reprodução/Youtube

A Juíza da 18ª Vara Civil Brasília, Tatiana Dias da Silva, determinou nesta sexta-feira, 24, que o presidente deverá pagar a indenização para deputada Maria do Rosário (PT/RS) por danos morais, no prazo de 15 dias.

Jair Bolsonaro, que na época ainda ocupava o cargo de deputado, 2014, disse a Maria do Rosário que “Não a estupraria porque ela era feia”. As palavras do presidente foram: “Eu não sou estuprador e mesmo que fosse, jamais a estupraria por ser feia e não fazer o meu tipo, nem isso ela merece”.  Depois do conflito, Bolsonaro alegou ter agido no calor da emoção em um momento de fúria, que sabe que não deveria ter dito algo assim.

A ação foi movida contra ele e no ano de 2015 ficou determinado que devesse pagar 10 mil reais para deputada, mas se recusou e recorreu a ação. No entanto, em fevereiro deste ano o ministro Marco Aurélio, decretou que ele deveria pagar a indenização, pois não haveria mudança no caso. A condenação foi feita pelo Tribunal de Justiça Distrito Federal Território.

Em suas redes sociais a deputada fez uma postagem dizendo que o ”resultado era de uma vitória de dignidade e respeito às mulheres”. Ainda disse que a indenização será doada a entidades que lutam pelos direitos das mulheres do país.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.